domingo, 3 de março de 2013

165 - Álbum (13)

A tirinha era 13, alguém tinha que ter azar aqui. xD

Pessoal, ainda não entrei totalmente no ritmo de 2013, mas as atualizações não vão parar. Faltam duas (ou talvez 3, não decidi ainda) tirinhas para o fim da saga do Álbum, e estou muito feliz de ter finalmente feito esse negócio sair. Eu tinha outros planos para ela, mas acho que esse formato deu conta do recado.

Se alguém tiver alguma pergunta que gostaria que o Johnny fizesse pro Bram, fique à vontade de fazer nos comentários. o/

É claro que o Bram sabia disso antes, mas ele esperava que ninguém tivesse notado.

-----------------
J: Então, se você é primo do Vlad, isso quer dizer que você é um vampiro?
B: NÃO!
B: Meu avô era um meio-vampiro. Meios-vampiros são filhos de um vampiro com uma humana ou pessoas que estão no primeiro estágio de infecção do vampirismo. Os filhos deles não necessariamente são meios-vampiros.
B: As chances de eu ter herdado alguma coisa do vovô são só de 25%. Não dá pra ter certeza porque meios-vampiros só desenvolvem seus poderes se vivem com vampiros e se comportam como eles.
J: Conhecendo sua sorte, eu diria que suas chances são de 200%. Além disso, eu soube que você bateu num vampiro que estava tentando te atacar por trás. Parece um sinal de poderes, pra mim.
B: Nah, perceber que um vampiro está prestes a te atacar é treinamento de caçadores, que recebi desde criancinha. Você não sobrevive sem isso. Quando o Ruthven Jr. chegou perto de mim, só ativou o treinamento.
J: Bram, depois de beber aquele sangue, você socou ele com tanta força que ele atravessou a parede de dois cômodos antes de aterrissar.
B: ...Droga.

2 comentários:

  1. Eu disse, avisei a Adriana que tinha descoberto isso!!!!
    Chupa Lawliet!!
    Sou uma super detetive!!!
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou colocar no último post da saga a print que tirei da nossa conversa. xD

      Excluir

Comenta que nem gente, que o Vlad tá de olho!